Terminal de Transporte Alternativo foi inaugurado na última sexta

Com a intenção de melhorar o transporte alternativo da cidade, foi inaugurando nessa última sexta-feira (8), às 17h, o Terminal de Transporte Alternativo. O novo terminal fica próximo a Ponte Nova, na Av. José Rodrigues de Jesus, Centro de Caruaru.

 

É esperado que o terminal tenha um fluxo de mais de 5.000 mil pessoas por dia e uma rotatividade de aproximadamente 500 veículos de 30 cidades da região. O estacionamento tem suporte para abrigar 110 veículos, onde 22 são para embarque, quatro para desembarque e 84 para acomodação dos loteiros que estarão em espera.

 

As cidades que demandam um maior fluxo de pessoas para Caruaru têm vaga no terminal, são elas: Palmares, Bonito, Cortês, Barra de Guabiraba, São José do Monte, Camocim de São Felix, Bezerros, Sertânia, Custódia, Catende, Belém de Maria, Lagoa dos Gatos, Quipapá, Panelas, Cupira, Altinho, Agrestina, Garanhuns, Canhotinho, Jurema, São Bento, Lajedo, Ibirajuba, Cachoeirinha, Pesqueira, Arcoverde e São Caetano.

 

 

Trânsito passará por alterações nas proximidades do Terminal


Os motoristas devem ficar atentos a nova sinalização nas proximidades do Terminal Alternativo de Passageiros, já que a Rua Mestre Tota, conhecida como Rua da Pamonha, passou a ter sentido único. Essa alteração diminuiu o tempo de espera dos motoristas no semáforo da Rua Nunes Machado, em cerca de 40 segundos. O semáforo agora ao invés de três tempos, tem  apenas dois.

 

Os condutores agora contam com mais um giro de quadra, aqueles que estiverem vindo da Rua Mestre Tota poderão entrar à direita na Rua Luiz Gonzaga, novamente à direita na Travessa Nunes Machado e no semáforo optar pela esquerda ou direita na Rua Nunes Machado.

 

O tempo destinado a travessia de pedestres no semáforo da Rua Nunes Machado ficou maior sem causar retenções no tráfego de veículos.

 

Três novos jogos semafóricos funcionam no local desde o último dia 18. Dois deles organizam os cruzamentos que ficaram no lugar do antigo giradouro e o terceiro semáforo dar acesso ao terminal. Todos sincronizados formando uma onda verde – a união da tecnologia a uma boa engenharia de tráfego garante o sincronismo dos semáforos.

Sobre o autor

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *